O que é biomassa e qual o seu papel na matriz energética brasileira

Biomassa é a matéria biológica utilizada como combustível para a produção de energia. A biomassa corresponde a 8,8% da matriz energética renovável do país. A energia produzida a partir da biomassa pode apresentar um custo mais baixo, se comparada com outras fontes como combustíveis fósseis, por exemplo, além de emitir menos resíduos nocivos ao meio ambiente durante o seu processo de produção.

Para saber mais sobre esse mercado, nos acompanhe! Os principais tipos de biomassa disponíveis são:

  • Biomassa florestal: a fonte é derivada das chamadas florestas energéticas. A principal fonte de energia é a lenha. Exemplo: carvão vegetal;
  • Biomassa agrícola: as fontes são resíduos da agricultura, como cascas de arroz, cana-de-açúcar e milho;
  • Resíduos urbanos e industriais: podem ser sólidos ou líquidos, sendo geralmente encontradas nos aterros sanitários, onde inclusive os gases derivados da combustão podem ser utilizados. Exemplo de produto: metano.

Os principais produtos da geração da biomassa são:

  • Carvão vegetal: já representou 40% da produção energética primária no Brasil;
  • Etanol: o mais utilizado no país atualmente. Obtido a partir da fermentação da cana-de-açúcar;
  • Metano: obtido a partir da gaseificação da biomassa. A maior parte é utilizada na indústria como solvente, anticongelador ou para sintetizar outras substâncias;
  • Biodiesel: utilizado para substituir ou complementar o óleo diesel, utilizado como combustível em meios de transporte. As principais fontes são óleo de soja, amendoim, palma e algodão.

Projeções para o mercado da biomassa no Brasil

O contexto da pandemia do novo coronavírus fez com que a população, de uma forma geral, veja os recursos renováveis com mais entusiasmo, já que se parte do pressuposto que uma melhoria do meio ambiente será refletida em uma melhoria na qualidade da saúde da população, de uma forma geral.

De acordo com dados do Global Carbon Project, publicados pelo jornal britânico The Guardian, a emissão de carbono pode cair até 2,5 bilhões de toneladas em todo o mundo, até o final deste ano. A União Europeia mantém a meta de tornar 20% da sua matriz energética proveniente de fontes renováveis, enquanto que no Brasil essa proporção já é de 46%, conforme o Ministério de Minas e Energia, o que demonstra a vocação do nosso país para energia limpa.

A safra 2019/2020 de produção de cana-de-açúcar foi recorde neste ano: 590 milhões de toneladas de cana-de-açúcar processadas. Em março, foram comercializados 2,30 bilhões de litros de etanol, sendo que 148,6 milhões foram exportados. Tratam-se de números bastante expressivos e que demonstram o interesse do mercado externo pela biomassa brasileira. Os dados são da UNICA, organização que representa o setor de açúcar e etanol no país.

A produção de biomassa tem uma série de vantagens, tanto para o produtor quanto para o mercado de produção de energia de uma forma geral. Podemos elencar algumas:

– Desenvolvimento econômico da região em que a plantação está inserida;

– Diferente da energia solar ou eólica, cuja produção depende das condições climáticas da região em que estão instaladas, a biomassa pode ser transportada;

– A produção e o processamento de biomassa dependem de sistemas industriais eficientes e menos poluentes.

Transporte da biomassa deve ser adequado

Neste contexto é aconselhável observar qual o meio de transporte mais adequado, especialmente se a biomassa é produzida a partir da madeira. Por exemplo, o transporte de cavacos, obtidos a partir da trituração, deve ser feito de uma forma segura e que mantenha o custo operacional baixo.

Quando o percurso é longo, o ideal é utilizar caminhões, que apresentam mais velocidade média. Já em rotas mais curtas, é aconselhado o uso de reboques e semirreboques. O semirreboque com piso móvel cavaqueira/carvoeira da Rodovale (foto acima) é uma solução. O custo da biomassa acaba sendo muito alto em distâncias mais curtas, por esse motivo é melhor otimizar, adotando meios de transporte versáteis, que possam ser eficientes em longos percursos.

A Rodovale conta com uma grande oferta de soluções em implementos rodoviários e é referência no Rio Grande do Sul quando o assunto é transporte. Se tiver alguma dúvida sobre qual o equipamento adequado para transportar o seu produto, entre em contato conosco.